Artigo | 8 min read

Employee experience e produtividade: quais os principais impactos?

Por Zendesk

Última atualização em 7 junho 2023

A employee experience e produtividade são dois conceitos que estão intimamente relacionados, uma vez que uma boa experiência do colaborador pode garantir mais produtividade de toda equipe.

Nesse sentido, as empresas estão procurando melhorar a experiência dos funcionários para garantir mais produtividade dentro do negócio. Inclusive, de acordo com a pesquisa CX Trends da Zendesk, 61% dos líderes de RH acreditam que a experiência do funcionário é uma das três principais prioridades da empresa.

Além disso, um estudo da Gallup mostrou que empresas com funcionários altamente engajados têm um desempenho 21% melhor do que aquelas com funcionários menos engajados.

Esses dados destacam a importância da “employee experience” para a produtividade e desempenho das empresas. Afinal, quando os funcionários se sentem valorizados, eles tendem a trabalhar mais eficientemente e a produzir melhores resultados. 

Neste artigo, vamos mostrar alguns dos principais impactos da employee experience na produtividade dos funcionários. Vem com a gente!

Como usar o employee experience para gerar mais produtividade no ambiente de trabalho?

Conforme antecipamos, a employee experience está intimamente relacionada com a produtividade no ambiente do trabalho, e em vista disso, existem várias estratégias que podem ser adotadas para melhorá-la e, consequentemente, gerar mais produtividade. 

Abaixo, vamos mostrar as principais medidas que os gestores podem usar em suas empresas para garantir mais produtividade por meio do employee experience.

Comunicação clara

Ter uma comunicação transparente e clara é essencial para garantir que os funcionários se sintam informados e envolvidos no que está acontecendo na empresa.

Isso pode incluir reuniões regulares, newsletters e canais de comunicação abertos para que os colaboradores façam perguntas e dêem feedback.

Reconhecimento e feedback

É essencial que os funcionários se sintam valorizados e reconhecidos pelo trabalho que realizam. Isso pode incluir elogios e reconhecimento público, além de feedbacks construtivos e oportunidades de desenvolvimento.

Sem esse reconhecimento, é mais difícil aumentar o engajamento dos colaboradores e automaticamente ter mais produtividade de toda a equipe.

Flexibilidade

Cada vez mais funcionários valorizam a flexibilidade no trabalho, seja por questões pessoais ou por uma necessidade de equilibrar a vida profissional e pessoal.

Nesse sentido, oferecer opções como horários flexíveis, trabalho remoto e licenças maternidade e paternidade mais longas pode ser uma maneira eficaz de melhorar a experiência do funcionário.

Cultura positiva

A cultura empresarial pode ter um impacto positivo na experiência do colaborador. Até porque, as empresas devem trabalhar para criar uma cultura que valorize a colaboração, a diversidade e a inclusão.

Investir em tecnologia

Por fim, e não menos importante, o uso de tecnologia para automatizar processos e simplificar o trabalho pode ser uma maneira eficaz de aumentar a produtividade.

Além disso, oferecer ferramentas e recursos de qualidade para que os funcionários façam seu trabalho com mais facilidade e eficiência é fundamental para garantir mais engajamento.

Leia também:

Quais são os elementos do Employee experience?

Conforme vimos, implementar o employee experience é desafiador, e por isso, é fundamental conhecer os principais elementos que o compõem e que impactam a experiência do funcionário, sendo eles:

  • cultura empresarial: uma cultura positiva, inclusiva e colaborativa pode fazer com que os funcionários se sintam valorizados e motivados;
  • comunicação: a comunicação clara e transparente em todos os níveis é fundamental para que os funcionários se sintam informados e envolvidos nos acontecimentos internos;
  • reconhecimento e feedback: os funcionários precisam sentir que seu trabalho é valorizado e reconhecido pela empresa. E isso pode ser feito através de feedbacks construtivos e oportunidades de desenvolvimento;
  • benefícios e remuneração: oferecer um pacote de benefícios competitivo e uma remuneração justa também é fundamental.

Portanto, atentar-se a esses elementos é crucial para que o employee experience e a produtividade realmente se entrelacem no negócio.

Quais são os desafios na implementação do Employee Experience?

Apesar dos benefícios para a produtividade, a implementação do Employee Experience pode enfrentar alguns desafios que dificultam o sucesso da estratégia, como a resistência à mudança, tanto por parte dos funcionários quanto da liderança. 

Afinal, mudanças culturais e de mentalidade são difíceis de serem aceitas e assimiladas, exigindo um esforço contínuo de comunicação e envolvimento dos colaboradores. Outro desafio é a falta de investimento e priorização por parte da empresa.

Até porque, a implementação do Employee Experience exige um investimento significativo em recursos, tempo e dinheiro, e muitas organizações não estão dispostas a investir, o que pode ser uma barreira na implementação do conceito.

Outro desafio é a dificuldade em medir os resultados, pois, a experiência do funcionário é um conceito abstrato e difícil de quantificar em números. Por isso, é importante estabelecer métricas claras para avaliar o sucesso da estratégia e realizar ajustes quando necessário.

Quais são as tendências na área de Employee Experience?

Ainda que seja desafiador, os gestores precisam implementar o employee experience se quiserem fazer com que suas empresas se mantenham competitivas no mercado. E mais, é preciso ficar antenado nas principais tendências do mercado.

A principal delas é a personalização que inclui benefícios personalizados, horários flexíveis, suporte para saúde mental e bem-estar e até mesmo tecnologias de IA que podem adaptar a experiência do funcionário às suas preferências.

Fora isso, a autonomia e a liberdade de tomar decisões são valorizadas pelos funcionários, e por essa razão é preciso reduzir hierarquias, oferecer opções de trabalho remoto e criar equipes autônomas que possam tomar decisões importantes.

Por fim, e não menos importante, a humanização está se tornando cada vez mais importante para os colaboradores, o que gera a necessidade de criar ambientes de trabalho mais inclusivos e empáticos.

Isso pode englobar iniciativas de diversidade e inclusão, programas de bem-estar e saúde mental, e a oferta de suporte emocional para funcionários que passam por momentos difíceis.

Como melhorar o Employee Experience na empresa?

Agora que você já sabe como o employee experience e a produtividade se entrelaçam na empresa, chegou o momento de saber como melhorar o EX para ampliar a produtividade dos seus colaboradores.

1. Ouça os funcionários

Para criar uma experiência positiva para os funcionários, é importante entender suas necessidades e desejos. Assim sendo, realize pesquisas e solicite feedback regularmente para descobrir o que eles valorizam e o que pode ser melhorado.

2. Invista em treinamento e desenvolvimento

Oferecer oportunidades de treinamento e desenvolvimento pode ser uma maneira eficaz de melhorar a experiência do funcionário e aumentar sua motivação e engajamento. Além do mais, essa é uma maneira de prepará-los para desafios futuros.

3. Promova a cultura empresarial

A cultura empresarial é um fator-chave na experiência do funcionário. Por isso, você precisa promover valores como colaboração, inclusão, respeito e transparência para criar um ambiente de trabalho positivo e motivador.

4. Ofereça flexibilidade

Os funcionários valorizam a flexibilidade no trabalho, seja para equilibrar a vida profissional e pessoal ou para se adaptar a diferentes necessidades. Ofereça opções flexíveis para eles para que aumente o engajamento e a produtividade.

5. Utilize tecnologia

O uso de tecnologia para simplificar o trabalho pode melhorar a experiência do funcionário. Nesse contexto, é crucial oferecer recursos de qualidade para que os colaboradores trabalhem com mais facilidade e eficiência.

Bônus: 2 exemplos de Employee experience

Como você pode ver ao longo desse texto, é possível implementar o employee experience para aumentar a produtividade da sua empresa. E agora vamos mostrar 2 exemplos bem-sucedidos de organizações que já estão adotando o conceito.

Airbnb

A empresa de hospedagem online adota uma abordagem holística da employee experience, oferecendo uma ampla gama de benefícios e programas para seus funcionários.

Isso inclui desde políticas de trabalho remoto até seguro saúde para viagens globais e tempo livre para projetos pessoais. A empresa também tem uma forte cultura inclusiva e promove a diversidade em sua equipe.

Patagonia

A marca de roupas outdoor Patagônia tem uma forte cultura corporativa que se concentra em cuidar de seus funcionários e do meio ambiente.

A empresa oferece horários flexíveis e licenças parentais generosas, além de programas de voluntariado e cuidados com a saúde e bem-estar dos funcionários. Ela também é conhecida por sua liderança ambiental, promovendo práticas sustentáveis em todas as áreas.

Agora que você já sabe a relação de employee experience e produtividade, é só aplicar no seu negócio. E se precisar de uma plataforma CRM para garantir uma experiência ainda melhor, conheça o Zendesk Service, e tenha mais produtividade na sua empresa.

Software de suporte ao cliente

O software de suporte ao cliente da Zendesk é fácil de usar e oferece uma melhor experiência de atendimento.

Software de suporte ao cliente

O software de suporte ao cliente da Zendesk é fácil de usar e oferece uma melhor experiência de atendimento.

Experimente grátis