Whitepaper

É possível aumentar o nível de satisfação do cliente com ferramentas de gestão?

Publicado 28 Agosto 2017
Última modificação 28 Agosto 2017

Muitas empresas se preocupam de verdade com o nível de satisfação de seus clientes e, para isso, a primeira providência que tomam é fazer pesquisas de satisfação.

A prática é bastante saudável e recomendada, principalmente se forem usadas metodologias mais efetivas, como o consagrado NPS (Net Promoter Score), com auxílio de ferramentas de envio de formulários de pesquisa, como o Typeform, SurveyMonkey e MindMiners, entre outros.
Mas descobrir que seus clientes estão insatisfeitos, para só então tomar providências não é exatamente a melhor das estratégias.

A pesquisa de nível de satisfação do cliente poderia ser comparada a um termómetro que já indica que seu paciente está com alguma infecção no organismo e precisa ser tratado.
O ideal é usar métodos preventivos e até usar ferramentas de gestão que ajudem a prever se seu cliente está insatisfeito com a solução que sua empresa oferece, para corrigir os rumos antes que ele se “sinta mal” em fazer negócios com você.

Prever o comportamento futuro de seus clientes não significa usar bolas de cristal. Existem maneiras de fazer isso tanto com o monitoramento constante e assessoramento de um time de Customer Success, quanto com o uso das ferramentas de gestão apropriadas.

Vamos entender isso melhor nos parágrafos seguintes.