Ir para o conteúdo principal

Artigo 3 min read

Não há futuro do trabalho sem pensar na experiência dos colaboradores

A forma como trabalhamos está mudando e, provavelmente, para sempre. Para entender tudo o que está acontecendo, leia este post (de uma série de três) e fique por dentro das melhores práticas da experiência dos colaboradores na era do trabalho híbrido.

Por Equipe Zendesk LATAM

Última atualização em 25 outubro 2022

Uma mudança no mercado de trabalho é clara: as pessoas não querem voltar aos dias de longas horas no trânsito e a usar roupas desconfortáveis.

Coletivamente, o que todos buscam é um emprego flexível, com limites saudáveis entre a vida profissional e pessoal. Isso significa que aquela linha que até então separava uma coisa da outra já não é mais importante e as empresas devem perceber isso e buscar envolver seus funcionários na resolução conjunta dos problemas.

O trabalho do futuro considera os colaboradores como os stakeholders mais valiosos de uma empresa. É preciso estar sintonizado com as necessidades e prioridades deles para que se sintam bem e queiram permanecer prestando serviços a uma determinada organização.

Por onde começar? Antes de mais nada, entenda o que significa exatamente o termo experiência do funcionário.

Também conhecida pela sigla EX (do inglês, employee experience), a experiência do funcionário diz respeito a como os colaboradores se sentem em relação às atividades que realizam, ao ambiente de trabalho que vivenciam e à empresa para a qual prestam serviço.

Os aspectos práticos, como remuneração, benefícios, flexibilidade e férias são importantes, mas não mais do que a cultura organizacional. Para descobrir isso, faça essas perguntas a seus funcionários:

  • Você acha que a comunicação da empresa é geralmente positiva e orientada a uma solução?

  • Você se sente seguro o suficiente para compartilhar feedbacks?

  • Você acha que seus gestores respeitam seu tempo livre, como as férias?

  • Você acha que seus gestores são transparentes em relação às prioridades e metas a serem alcançadas pela empresa?

O objetivo da experiência do funcionário é minimizar os pequenos aborrecimentos diários que existem em qualquer empresa para que, assim, a produtividade do colaborador cresça.

Por que isso é importante?

Porque simplesmente são os seus funcionários que fazem tudo acontecer. Eles que criam os produtos ou serviços, que constroem e mantêm o relacionamento com os clientes, que resolvem os inúmeros desafios de negócio e que dão suporte às áreas administrativas.

Se você não os tratar bem, isso aparecerá mais cedo ou mais tarde no trabalho (ou, quem sabe, no TikTok).

E pesquisas também mostram isso. Em um recente levantamento feito pela Zendesk, 68% dos empresários disseram existir uma ligação direta entre a qualidade do atendimento prestado internamente aos funcionários e o crescimento do negócio.

Os benefícios de uma boa experiência do funcionário são:

  1. Economia com a rotatividade


    Uma pesquisa da CultureAmp mostrou que o custo para substituir um profissional pode variar de 30% a 200% do salário dessa pessoa. Mas não é apenas sobre dinheiro. Novas contratações precisam de tempo para entregarem resultado – alguns especialistas dizem que leva até um ano para que um novo funcionário esteja totalmente estabelecido e possa produzir com eficiência.
  2. Manutenção das melhores pessoas na equipe


    Em momentos de crise e insegurança, as empresas precisam que seus funcionários de confiança permaneçam. A Joblist, plataforma americana de vagas de emprego, descobriu que 1 em cada 4 chefes imploram que seus funcionários fiquem na empresa após receber seu pedido de demissão. Essas pessoas são extremamente valiosas, por isso, certifique-se de criar um ambiente de trabalho onde elas se sintam apreciadas e apoiadas.
  3. Funcionários como advogados da marca


    Tudo de positivo que os funcionários falam da empresa no LinkedIn ou em outras redes sociais pode ser a razão pela qual novos candidatos, ou mesmo clientes em potencial, chegam até a empresa. Os colaboradores são grandes advogados da marca e é por isso que quando falarem da empresa, que seja sempre algo de bom.

O futuro do trabalho depende mais do que nunca do quão disposta a sua empresa está para conquistar bons profissionais e, acima de tudo, retê-los hoje em dia. Aprenda mais sobre como melhorar a experiência que a sua organização proporciona a seus funcionários neste próximo blog post.

Histórias relacionadas

Artigo
13 min read

O que são clientes detratores? É possível convertê-los?

Descubra o que são clientes detratores, quais riscos eles trazem para a sua reputação e como transformá-los em consumidores neutros ou promotores.

Artigo
7 min read

SAC 3.0 e SAC 4.0: conceitos, diferenças e principais tendências

SAC 3.0 e SAC 4.0 são a evolução do serviço de atendimento ao cliente, com ferramentas e tecnologias que visam melhorar a experiência do consumidor.

Artigo
8 min read

O que é carteira de clientes? Como montar, gerenciar e otimizar?

O que é carteira de clientes? Na prática, são empresas e pessoas com quem se faz negócios regularmente, alvos principais de estratégias de fidelização.

Artigo
7 min read

WhatsApp no atendimento ao cliente: principais tendências

Usar o WhatsApp no atendimento ao cliente já não é novidade. Além do suporte multicanal, a tendência é integrar IA nos apps de mensagem. Saiba TUDO!