Artigo

A inovação não espera. Quem não se adapta, fica para trás.

Por

Publicado 2 Abril 2018
Última atualização em 2 Abril 2018

O ano de 2018 promete trazer grandes inovações tecnológicas, e as empresas que quiserem aproveitar todos os benefícios de eficiência, colaboração, crescimento e sucesso das novas tecnologias não podem ficar só observando. Tom Keiser, COO  da Zendesk, falou sobre isso em um artigo recente na Forbes

Para Keiser, quando surge uma ferramenta nova que revoluciona o mercado e a maneira de fazer negócios, as empresas não devem ter medo de adotá-la. Demorar mais de um ano para implementar esse tipo de novidade pode impactar negativamente a  experiência do cliente.

A transformação digital nas empresas e nos serviços de atendimento ao cliente é uma realidade que não pode ser ignorada. 

Vamos ver o caso da machine learning, por exemplo. Segundo Keiser, é uma tecnologia que está se expandindo cada vez mais para áreas de negócios, especialmente para o espaço do atendimento ao cliente, com o objetivo de melhorar as experiências oferecidas aos usuários. Um relatório da Gartner prevê um cenário similar: em 2020, as tecnologias de machine learning estarão presentes em quase todos os novos produtos de software.

Já falamos do Answer Bot em outro artigo do nosso blog, mas ele é um ótimo exemplo de como a machine learning está revolucionando o setor. Com respostas instantâneas baseadas em conhecimentos prévios relevantes, esta tecnologia ajudou a Zendesk a reduzir em 10% o tempo de resolução dos tickets dos clientes.

As inovações não param por aí. Nuvem, inteligência artificial, realidade virtual, realidade aumentada... Tecnologias que até pouco tempo atrás só eram usadas como formas de entretenimento estão chegando ao atendimento ao cliente, com ferramentas que estão aumentando os níveis de experiência e satisfação. Isso vai continuar acontecendo em 2018 e nos próximos anos.

No nosso blog, temos muito mais artigos sobre as novas tecnologias de atendimento ao cliente. Confira!