Artigo

O que é SaaS?

Por Douglas da Silva, Web Content & SEO Associate, LATAM

Publicado 22 fevereiro 2021
Última atualização em 22 fevereiro 2021

O que é SaaS? SaaS é um modelo de serviço que permite que uma empresa contrate um software com base em um sistema de assinatura. Ele não requer instalação e, para funcionar, precisa apenas de uma conexão com a Internet. O seu acesso acontece por meio do armazenamento em nuvem. 

Para entender de forma completa o que é SaaS, basta ler este glossário até o fim, o qual abordará:

  • O que significa SaaS?
  • O que é SaaS?
  • Como funciona o Software as a Service (SaaS)? 
  • Como usar o SaaS?
  • Quais os benefícios do SaaS?
  • Exemplos de SaaS 

O que significa SaaS?

SaaS é uma sigla que vem do inglês, originada da expressão “Software as a Service” que, em tradução livre para o português, significa “Software como Serviço”. No entanto, ele também é conhecido por outras nomenclaturas, como “Software sob demanda” e “Software Hospedado”. 

O que é SaaS?

SaaS é um modelo de software que funciona como um aluguel. De um lado, uma empresa disponibiliza essa ferramenta como serviço e, do outro, há uma companhia que o utiliza, por meio de pagamentos mensais, trimestrais ou anuais. Isto é, a organização que demanda essa solução não precisa comprá-la, o que também elimina o gasto com aquisição de licença do software.  

Como funciona o Software as a Service (SaaS)? 

Para entender melhor o que é SaaS, vale a pena saber como ele funciona. Em linhas gerais, o Software as a Service (Saas) funciona virtualmente, com base no sistema de cloud computing. Os fornecedores desse serviço são os responsáveis pela hospedagem e pela manutenção tanto dos servidores, como do banco de dados e dos códigos que possibilitam que o SaaS funcione.  

Ele permite que os funcionários de uma empresa acessem o sistema, desde que a companhia libere uma permissão. Assim, basta que eles tenham acesso à Internet e a um aparelho, e entrem com seus nomes de usuário e senhas. 

Como usar o SaaS?

Para usar esse serviço, é possível contratar uma empresa SaaS. Há opções gratuitas e pagas. As pagas contam com a vantagem da personalização. 

Após a companhia adquirir o SaaS, os colaboradores podem utilizá-lo de qualquer lugar, tanto por meio de dispositivos móveis, como celulares e tablets, como por outros tipos de gadgets, como notebooks e computadores. 

O uso do SaaS é determinado de acordo com seu objetivo. Isto é, ele varia desde o cenário mais simples, como o acesso ao e-mail, até situações mais específicas e complexas, como os sistemas ERP, que permitem uma gestão integrada, e softwares de CRM, voltados para o atendimento ao cliente

Quais os benefícios do SaaS?

Os benefícios do SaaS são os seguintes.

Otimização do orçamento 

Além do SaaS não exigir que a companhia contratante pague por sua licença, o que já desafoga o orçamento, os valores da assinatura, geralmente, saem muito mais em conta do que a aquisição de um software

Além disso, o plano selecionado promove a previsibilidade financeira, assim como também contribui para organizar o planejamento econômico em médio e longo prazo. 

Possibilidade de teste antes da compra 

Uma prática comum oferecida pelas empresas de SaaS é a de oferecer um trial, ou seja, um teste gratuito para que as organizações contratantes o experimentem e avaliem se ele atende às suas necessidades. 

Essa ação alinha expectativas, evita dores de cabeça e gastos desnecessários,  e promove a confiança entre as duas pontas do negócio. 

Simplicidade de implementação

Como tudo acontece remotamente, por meio da nuvem, o acesso é bastante simplificado e não exige nenhum tipo de instalação ou atualização. Basta que a companhia tenha acesso à Internet e computadores. 

Pouca burocracia 

Caso a empresa queira fazer um upgrade em seu SaaS ou cancelar o serviço, basta entrar em contato com a empresa contratada, a qual oferecerá outra modalidade de plano para o upgrade ou realizará o desativamento da assinatura de modo descomplicado. 

Mais segurança 

O uso dessa solução descarta muitas invasões e ataques maliciosos, uma vez que as empresas de SaaS são muito conhecidas por investirem pesadamente em profissionais qualificados e em tecnologia. 

Para saber qual companhia contratar e, assim, preservar a segurança de sua rotina de negócios, é recomendável verificar se ela possui ISO 27001 e ISO 9001, padrões de referência internacional de segurança e qualidade. 

Oportunidade de personalização

Um Software as a Service pode ser personalizado de acordo com as demandas e a realidade de uma empresa. No entanto, não são todas as empresas de SaaS que oferecem essa vantagem. Sendo assim, é preciso verificar se a fornecedora escolhida permite a mudança de parâmetros e oferece a oportunidade de customização de funcionalidades. 

Exemplos de SaaS

Alguns exemplos de SaaS são serviços de e-mail, como o Google, ferramentas de produtividade, como o Slack, plataformas de streaming, como a Netflix e o Spotify e softwares de CRM. 

Lembrando que a Zendesk permite a integração a diferentes canais de atendimento digitais, oferece automações e conta com planos de pagamentos com base em receita recorrente, ou seja, traz diferentes tipos de assinatura para se adequar a diferentes realidades corporativas. 

Além disso, a plataforma da Zendesk é aberta, flexível e criada nativamente na AWS. Com ela, você pode conectar todas as suas fontes de dados, projetar experiências do cliente inovadoras e criar os aplicativos ou as automações que desejar. 

Agora que você já entendeu o que é SaaS, convidamos você a conhecer a Solução completa de atendimento da Zendesk, um software de atendimento ao cliente simples que monitora, prioriza e resolve tickets de suporte ao cliente. 

Ele traz uma única interface de central de suporte dinâmica. Assim, facilita o trabalho das equipes de atendimento, que se tornam mais produtivas e hábeis na hora de interagir com os clientes. 

Software para atendimento ao cliente

A Zendesk oferece um software de atendimento ao cliente para monitorar e resolver tickets de suporte com mais eficiência e rapidez.