Ir para o conteúdo principal

Artigo 12 min read

Qual a melhor formação para especialistas em inteligência artificial?

Por Zendesk

Última atualização em 4 dezembro 2023

Especialistas em inteligência artificial estão se tornando cada vez mais essenciais em um mundo onde a tecnologia está profundamente integrada em quase todos os aspectos de nossas vidas.

De acordo com o relatório do Fórum Econômico Mundial, elaborado em parceria com a Fundação Dom Cabral no Brasil, essa profissão está entre as ocupações com maior potencial de crescimento até 2027. 

Outro relatório elaborado pela IBM denominado “The Quant Crunch: How the Demand for Data Science Skills is Disrupting the Job Market”, vai na mesma linha e aponta que só nos Estados Unidos devem ser abertas 364 mil novos empregos nos próximos anos.

Este aumento na demanda reflete a necessidade de profissionais capazes de desenvolver e gerenciar tecnologias de IA, que estão cada vez mais presentes em nossos serviços e produtos do dia a dia.

Neste artigo, vamos mostrar as formações e competências necessárias para se tornar um profissional da área, as habilidades requeridas, as principais certificações e como se destacar nesta profissão em crescimento. Boa leitura!

O que faz um especialista em inteligência artificial?

Um especialista em inteligência artificial é o profissional responsável por projetar e implementar soluções de IA para resolver problemas específicos, otimizar processos e criar novas oportunidades em diversas áreas, como saúde, finanças e tecnologia, sendo ele um dos mais requisitados no mercado para os próximos anos.

Esses profissionais utilizam conhecimentos em ciência da computação, matemática e estatística para desenvolver algoritmos capazes de processar e analisar grandes volumes de dados, identificando padrões e realizando previsões.

Eles trabalham em colaboração com outros especialistas, como cientistas de dados e engenheiros de software, para integrar soluções em produtos e serviços.

Cabe a esses especialistas também avaliar os impactos e implicações da implementação de IA, assegurando a conformidade com normas de privacidade e proteção de dados e promovendo o uso responsável e transparente da tecnologia.

Podemos dizer que esses profissionais se dedicam à pesquisa e ao aprimoramento contínuo, acompanhando as tendências e inovações da área, para desenvolver soluções cada vez mais avançadas e eficientes.

Leia também:

Por que a profissão de especialista em inteligência artificial é importante?

A profissão de especialista em inteligência artificial é importante por vários motivos, pois o profissional:

  • impulsiona inovações tecnológicas;
  • otimiza processos e aumenta a eficiência operacional;
  • contribui para a resolução de problemas complexos;
  • potencializa a personalização de serviços e produtos;
  • aborda questões éticas e legais da IA.

1. Impulsiona inovações tecnológicas

Especialistas em inteligência artificial são catalisadores de inovação, desenvolvendo novas tecnologias e metodologias que têm o potencial de transformar indústrias e setores.

Eles possibilitam o avanço do conhecimento e da aplicação da IA, abrindo portas para soluções inovadoras e a criação de novas oportunidades e mercados.

2. Otimiza processos e aumenta a eficiência

Essa que é uma das profissões do futuro é crucial para a otimização de processos em diversas áreas, como manufatura e serviços, através da automação e análise de dados.

Esses especialistas desenvolvem sistemas que podem realizar tarefas de forma mais rápida e precisa, aumentando a produtividade e reduzindo custos, o que é vital para a competitividade das empresas no mercado atual.

3. Contribui para a resolução de problemas complexos

Os profissionais da área aplicam seus conhecimentos para resolver problemas complexos e desafiadores em diversos campos, como medicina, meio ambiente e educação.

Eles desenvolvem algoritmos e modelos capazes de analisar dados complexos e fornecer insights valiosos, facilitando a tomada de decisões e a implementação de soluções eficazes.

4. Potencializa a personalização de serviços e produtos

A atuação destes profissionais de inteligência artificial é essencial para o desenvolvimento de produtos e serviços personalizados, melhorando a experiência do usuário e atendendo às necessidades específicas dos consumidores.

Através da análise de dados e aprendizado de máquina, especialistas em IA criam soluções mais alinhadas com as expectativas e preferências dos clientes

Inclusive, um dado interessante é que 70% dos consumidores tendem a gastar mais em organizações que oferecem uma experiência mais personalizada e integrada, conforme mostra a pesquisa Zendesk CX Trends 2023, o que evidencia a importância do profissional.

5. Aborda questões éticas e legais

Especialistas em inteligência artificial também desempenham um papel vital na abordagem de questões éticas e legais relacionadas ao uso da IA.

Eles trabalham para garantir que as soluções sejam desenvolvidas e utilizadas de maneira responsável, transparente e justa, considerando os impactos sociais e éticos e promovendo o uso benéfico dessa nova tecnologia.

Como podemos ver, esse profissional traz inúmeros benefícios não só para a empresa, mas também para o mercado em si. Porém, é preciso destacar que para trabalhar na área é crucial desenvolver algumas habilidades, como veremos a seguir.

Mas antes aproveite para ler:

Quais as habilidades necessárias para trabalhar nessa área?

As principais habilidades que devem ser desenvolvidas pelos especialistas em inteligência artificial são:

  • proficiência em programação;
  • conhecimento em matemática e estatística;
  • habilidades de resolução de problemas;
  • compreensão de aprendizado de máquina;
  • pensamento crítico.

1. Proficiência em programação

A proficiência em linguagens de programação, como Python, C++ e Java, é fundamental para desenvolver algoritmos e modelos de IA.

Em vista disso, os especialistas em inteligência artificial devem ser capazes de escrever, testar e depurar códigos eficientes, além de implementar soluções de software que integrem tecnologias de ponta.

2. Conhecimento em matemática e estatística

O conhecimento profundo em matemática e estatística é essencial para entender e aplicar conceitos de IA. Por isso, quem deseja atuar na área precisa estar ciente que deverá se aprofundar no conhecimento de cálculo.

Até porque os profissionais da área utilizam essas disciplinas para analisar dados, desenvolver algoritmos e criar modelos matemáticos que possam realizar previsões e identificar padrões.

3. Habilidades de resolução de problemas

A capacidade de identificar e resolver problemas complexos é crucial em qualquer área, mas quando se trata de inteligência artificial, a necessidade dessas habilidades se torna ainda maior.

Assim sendo, os especialistas devem ser capazes de abordar desafios de forma analítica e criativa, desenvolvendo soluções inovadoras e eficazes para questões que variam desde a otimização de processos até a análise de grandes volumes de dados.

4. Compreensão de aprendizado de máquina

Ter uma compreensão sólida dos princípios e técnicas de aprendizado de máquina é vital para quem quer se tornar um profissional requisitado nessa área. 

Dessa forma, deve-se conhecer diferentes métodos de aprendizado, como supervisionado, não supervisionado e por reforço, e saber como aplicá-los para desenvolver sistemas capazes de aprender e evoluir com o tempo.

5. Pensamento crítico 

Por fim, o profissional que deseja trabalhar nessa área necessita de um forte senso crítico e para avaliar as implicações e consequências do uso da IA, além de avaliar quais são as benfeitorias que ela pode trazer para determinados setores.

Vale destacar que além das habilidades na área, algumas certificações também são imprescindíveis para destacar o profissional.

Quais são as principais certificações de IA?

As principais certificações para trabalhar como um especialista em inteligência artificial são:

  • Cloudera Certified Professional (CCP Data Scientist);
  • EMC Data Science;
  • Microsoft Certified: Azure AI Engineer Associate;
  • INFORMS Certified Analytics Professional (CAP);
  • Exin Certifications in Business Intelligence & Process.

1. Cloudera Certified Professional (CCP Data Scientist)

Esta certificação valida a capacidade do profissional em criar soluções robustas e escaláveis de computação distribuída.

O exame abrange tópicos como Estatística Descritiva e Inferencial em cenários de Big Data e Advanced Analytics, incluindo Machine Learning usando Scala.

Esse certificado é reconhecido por apresentar cenários desafiadores, simulando situações reais com dados estruturados e não estruturados.

2. EMC Data Science

A EMC, conhecida por suas soluções em storage, virtualização, e servidores, também oferece uma certificação em ciência de dados.

Esta certificação abrange conhecimentos em virtualização, análise, e o papel do cientista. Um ponto positivo é que ela não expira, mas tem um custo elevado para preparação, com cursos na faixa de 1500 dólares.

3. Microsoft Certified: Azure AI Engineer Associate

A Microsoft oferece várias certificações em IA, sendo uma delas o Azure AI Engineer Associate, obtido após a aprovação no exame AI-102.

Este exame abrange conhecimentos em serviços cognitivos, integração com desenvolvimento de software, melhores práticas para processamento de modelos de IA, e uso do Azure Machine Learning com Python.

4. INFORMS Certified Analytics Professional (CAP)

O CAP da INFORMS é uma certificação neutra, não associada a nenhum fornecedor específico, cobrindo uma ampla gama de tópicos relacionados à análise de dados.

Para manter a certificação válida, é necessário atingir uma pontuação de 30 PDUs (Professional Development Unit) a cada três anos, obtidas através de treinamentos, auto-aprendizado, e experiência profissional de trabalho.

5. Exin Certifications in Business Intelligence & Process

A Exin oferece 15 tipos diferentes de exames em áreas relacionadas à Business Intelligence & Process. Alguns mais destacados são:

  • VeriSMO Profissional, que engloba conceitos de transformação digital;
  • CCC Big Data Foundation, que abarca conhecimentos em Big Data com Cloud Computing; utilizando ferramentas como Hadoop e MongoDB;
  • BCS Foundation Certificate in Business Analysis, focado em análise de negócios e estratégias para gerenciamento de modelos de negócios.

Como você pode ver, se tornar um especialista em IA não é uma tarefa simples. Exige estudo, desenvolvimento de habilidades e a conquista de certificações.

No entanto, para ajudar nesse caminho, separamos logo abaixo um tópico mostrando como ser especialista em inteligência artificial.

Como se tornar um especialista em IA?

Para se tornar um especialista em IA, você precisa:

  • buscar formação na área;
  • aprender a programar;
  • ampliar o conhecimento em matemática e estatística;
  • desenvolver o conhecimento em aprendizado de máquina e redes neurais;
  • buscar oportunidades de atuar em projetos práticos;
  • atualizar-se constantemente;
  • ampliar o seu networking;
  • obter uma certificação na área;
  • construir um portfólio.

1. Buscar formação na área

A busca por formação na área de inteligência artificial deve começar com a educação formal. Considere um diploma de graduação em ciência da computação, engenharia de software, matemática ou áreas relacionadas.

Para um aprofundamento adicional, uma pós-graduação em IA, aprendizado de máquina ou campos afins é uma excelente opção. Pesquise instituições de ensino que ofereçam programas reconhecidos na área.

2. Aprender a programar

A programação é a linguagem da inteligência artificial. Para começar, você precisa obrigatoriamente dominar uma linguagem amplamente usada, como Python.

Ela é preferida devido à sua simplicidade e ao vasto ecossistema de bibliotecas, como TensorFlow e PyTorch. Explore a programação orientada a objetos, estruturas de dados e algoritmos.

3. Ampliar o conhecimento em matemática e estatística

Um entendimento sólido de matemática e estatística é a espinha dorsal dessa área. Estude álgebra linear, cálculo, probabilidade e estatística. Esses conceitos são essenciais para compreender os algoritmos e modelos.

4. Desenvolver o conhecimento em aprendizado de máquina e redes neurais

O aprendizado de máquina é o cerne da inteligência artificial. Aprofunde-se em algoritmos de aprendizado de máquina, como regressão linear, árvores de decisão, redes neurais e algoritmos de agrupamento.

Entenda também o funcionamento de modelos de deep learning, que têm impulsionado avanços recentes nessa área. Isso vai ajudar bastante o seu desenvolvimento.

5. Buscar oportunidades de atuar em projetos práticos

A teoria é importante, mas a prática é crucial. Trabalhe em projetos práticos de IA, como criar chatbots, sistemas de recomendação, classificadores de imagem ou previsões de séries temporais.

Participe de competições de aprendizado de máquina em plataformas como Kaggle para aplicar seu conhecimento na resolução de problemas do mundo real.

6. Atualizar-se constantemente

Essa é uma área em constante evolução. Portanto, é vital manter-se atualizado com as últimas pesquisas, tendências e tecnologias. Siga blogs, leia artigos acadêmicos e participe de conferências e workshops para manter seu conhecimento relevante.

7. Ampliar o seu networking

Construa uma rede profissional nesse setor. Participe de grupos de discussão on-line, fóruns e conferências. A colaboração e a troca de conhecimento com outros profissionais são inestimáveis para o seu crescimento.

8. Obter uma certificação

Considere a obtenção de certificações reconhecidas, como as mencionadas anteriormente. Elas podem destacar suas habilidades e conhecimentos, além de fornecer diretrizes claras para o desenvolvimento profissional.

9. Construir um portfólio

Mantenha um portfólio robusto que destaque os projetos de inteligência artificial que você concluiu. Isso é fundamental ao procurar empregos ou oportunidades de consultoria, pois demonstra suas habilidades e realizações na prática.

Como você pode ver ao longo deste artigo, os especialistas em inteligência artificial precisam estudar bastante para se destacarem na profissão. Por isso é necessário que você se dedique para chegar longe.

E, se quiser ler mais artigos como esse, aproveite e conheça o Blog da Zendesk. Nele você vai encontrar assuntos relevantes sobre IA que vão te ajudar a decidir por essa profissão. 

Adicionalmente, aproveite para fazer a demonstração gratuita do CRM para conferir, na prática, todas as funcionalidades da nossa solução tecnológica.

Histórias relacionadas

Artigo
5 min read

Como melhorar os processos internos de uma empresa? 5 dicas

Buscando saber como melhorar os processos internos de uma empresa, seja um pequeno ou grande negócio?…

Artigo
9 min read

Sistemas de IA para experiências do usuário: urgências e tendências

Entenda como os sistemas de IA para experiências do usuário podem ser utilizados para otimizar o trabalho dos agentes e trazer mais satisfação aos clientes.

Artigo
6 min read

Dados em tempo real: como melhoram a experiência do cliente?

O uso de dados em tempo real vem ganhando força entre os líderes de CX e as empresas. Aprenda a implementar esse recurso em seu negócio!

Artigo
7 min read

Tendências emergentes no CX Inteligente: uma visão geral

Descubra quais as principais tendências de CX Inteligente e como os líderes de CX estão encarando essas tecnologias emergentes.