Artigo

Conheça os 7 estilos de liderança e identifique o seu

Por Douglas da Silva, Web Content & SEO Associate, LATAM

Publicado 4 Agosto 2022
Última atualização em 4 Agosto 2022

A figura e as ações de um bom líder são essenciais para que uma equipe apresente um bom desempenho. Independente do estilo de liderança, esse gestor deve ser capaz de compreender os valores e expectativas de uma empresa, transformar em metas para sua equipe e conduzi-los em direção à superação.

Mais que uma visão motivacional, essa estratégia se comprova em números e resultados. A liderança de equipes deve entender as capacidades e talentos do seu time, delegando tarefas e responsabilidades que se traduzam em bom desempenho nos indicadores de performance.

Outro fator de grande importância é o papel do líder na integração das equipes, seja no onboarding de um novo funcionário ou na harmonização entre times de diferentes setores, essa é uma responsabilidade que impacta diretamente na qualidade operacional de uma empresa.

Ser líder é muito mais do que mandar e ser um chefe, daqueles que poucos gostam. É claro, não se chega a essa posição para fazer amigos, mas adotar um estilo de liderança adequado ao seu perfil e a sua equipe promove um bom employer branding e garante bons resultados.

Pensando nisso, montamos um guia completo com os 7 principais estilos de liderança definidos pelos especialistas em gestão de equipes. Além de apresentar cada um deles, vamos mostrar como saber que tipo de líder é você.

E mais, sabendo que o momento em que vivemos provocou uma forte migração das equipes para sistemas de home office, vamos destacar os desafios da liderança de equipes remotas e como você pode utilizar o seu estilo de liderança para superá-los, motivando e garantindo o melhor desempenho dos seus aliados.

Você está pronto? Então aproveite a leitura!

Quais são os 7 estilos de liderança?

No cenário empresarial, podem existir diversos estilos de liderança. Cada tipo de líder tem uma forma de interagir com sua equipe para passar uma informação, delegar uma demanda, cobrar determinada postura, parabenizar ou condenar certas atitudes.

Essa é a base para o relacionamento entre líderes e suas equipes. Independente do seu estilo de liderança, é essencial pautar por uma conduta profissional e respeitosa

No entanto, essa tarefa fica mais difícil quando o líder age com insegurança ou inconsistência, fatores que definitivamente levam a problemas de relacionamento e produtividade. Como causa para essas atitudes negativas, a falta de conhecimento sobre o estilo de liderança que mais se adequa ao perfil do gestor é uma das mais frequentes.

Assim como estar em conformidade com os valores da empresa, uma conduta ética e também com o perfil dos seus colaboradores, identificar que tipo de líder você é pode facilitar a gestão, uma vez que é possível gerar linhas de raciocínio para se preparar para diferentes situações.

Reunimos aqui os 7 principais estilos de liderança utilizados atualmente. Cada um deles irá influenciar o método de gestão e contará com suas vantagens e desvantagens. 

Com isso em mente, lembre-se de que uma vez identificado o seu estilo de liderança, é essencial direcionar esforços para suas forças e fraquezas a fim de obter o melhor resultado possível. 

1. Liderança autocrática

O estilo de liderança autocrática é para aqueles com uma postura mais clássica e conservadora, um chefe tradicional. Líderes autocráticos tomam as decisões de maneira mais isolada, concentrando o poder em suas mãos e dividindo com poucos as informações sobre seu raciocínio.

Com pouco espaço para compartilhar opiniões próprias, o líder manda e sua equipe executa, idealmente sem questionamentos.

Apesar de se tratar de uma postura um pouco antiquada, esse estilo de liderança autocrática desfruta de algumas vantagens.

Entre elas, podemos citar agilidade na tomada de decisões, controle total de processos em um ponto comum, colaboradores produzem mais com a presença do gestor e podem ser especializados em tarefas detalhadas, já que não demandam visão estratégica.

Por outro lado, também se destacam alguns problemas frequentes. Na ausência do líder no ambiente, a produção tende a cair. A centralização das decisões traz consigo uma sobrecarga na liderança. Por fim, o relacionamento entre liderança e equipe é frio e pouco amistoso.

2. Liderança democrática

Em uma abordagem mais equilibrada e moderna, temos os líderes democráticos, que consultam com frequência a sua equipe para a tomada de decisões em conjunto. Além disso, é comum na liderança democrática que os colaboradores sejam incentivados a trazer sugestões.

Nesse estilo de liderança, a satisfação e o bem-estar do funcionário ganham prioridade, tornando a relação entre as partes em uma dinâmica mais amistosa. Pautada por debates e interações frequentes, a capacitação dos colaboradores e o reconhecimento de sua contribuição são muito importantes para o bom resultado.

Como vantagem da liderança democrática, podemos citar exatamente essa interação entre líder e liderados, postura colaborativa, senso de responsabilidade e comprometimento geral que costumam ser elevados.

Em contrapartida, também temos desvantagens. Uma liderança democrática demanda uma equipe madura e com diferentes expertises. No início de projetos, a tomada de decisões tende a ser lenta e inevitavelmente o líder precisa intervir para manter a movimentação das atividades ou mesmo para assumir a responsabilidade sobre a decisão final.

3. Liderança liberal

De modo geral, o estilo de liderança liberal atua basicamente delegando atividades e tarefas, presumindo que os colaboradores possuem maturidade e experiência suficientes para atender suas demandas e fazer a gestão própria sem a necessidade de suporte.

É uma demonstração de profunda confiança na equipe, proporcionando uma vasta liberdade para a tomada de decisões internas e com pouca interferência do líder.

Como vantagem da liderança liberal, podemos listar o ganho de autonomia, que pode agilizar a execução de determinadas tarefas. A confiança elevada também traz benefícios e motiva os colaboradores, que atuam em um ambiente descentralizado e livre de burocracia.

Porém, há um lado obscuro nesse estilo de liderança. A falta de controle e monitoria pode provocar uma baixa produtividade. Colaboradores podem ficar perdidos em uma situação adversa e há pouca integração em equipe, pois o ambiente favorece uma postura individualista.

4. Liderança de coach

O perfil do coach motivacional tem ganhado espaço entre os estilos de liderança nos últimos anos. Esse estilo fica caracterizado pela linguagem didática e motivacional, que identifica talentos individuais e estimula o seu desenvolvimento, especialmente quando isso favorece a equipe.

Provocativo e instigante, a liderança de coaching foca bastante em enxergar o perfil e o comportamento de cada colaborador, atribuindo e testando seu desempenho em funções nas quais se acredita na obtenção de um resultado otimizado.

Como vantagem da liderança de coach temos o foco na performance individual, o nível elevado de comprometimento dos colaboradores, os constantes feedbacks fornecidos à equipe e o aprimoramento constante entre as partes.

Entre as desvantagens, podemos citar a pouca efetividade do estilo de liderança quando a equipe não demonstra interesse ou é colocada em uma tarefa na qual não acredita

Do mesmo modo, demandas de curto prazo e mais exigentes podem causar incômodo e prejudicar o desenvolvimento de talentos. Por fim, o tempo dedicado ao crescimento dos membros da equipe pode diminuir a disponibilidade da liderança para os processos de planejamento e estratégia.

5. Liderança técnica

Em um estilo de liderança mais previsível e fluido, o líder técnico é aquele que entende a capacidade e a posição ocupada por cada colaborador, exigindo que se atenda esses parâmetros de maneira constante.

Focado em performance e em uma gestão extremamente analítica, o raciocínio do líder técnico vai sempre direto ao ponto em relação ao que é pedido para o colaborador, incluindo fatores como prazos, padrões de qualidade, formatos e outros.

O estilo de liderança técnica tem como principais benefícios o alto conhecimento sobre a responsabilidade da equipe dentro da organização, o que serve de exemplo para os colaboradores se espelharem e costuma estimular o senso de confiança.

No entanto, essa postura também pode intimidar alguns membros da equipe, gerando alguns conflitos por conta da falta de flexibilidade.

6. Liderança motivadora

Na liderança motivadora, o gestor tem em seu perfil um alto potencial para inspirar os colaboradores e unir-los ao redor de um objetivo em comum. 

Esse estilo de liderança se aproveita de um forte apelo emocional para lidar com as situações e desafios do dia-a-dia. Sua postura costuma se manter otimista, mesmo em momentos mais arriscados, o que costuma contribuir para um ambiente mais saudável.

A vantagem está aí, no clima da equipe, que é mais positivo e estimula o sentimento de união, fazendo cada funcionário vestir a camisa e representar a empresa. A postura positivista em momentos de crise é muito utilizada para situações de crise.

Mesmo assim, a liderança motivadora pode gerar desgaste pela postura sempre positiva. Além disso, o foco nas pessoas pode provocar descaso em relação às tarefas mais críticas e prejudicar a cobrança de posturas negativas.

7. Liderança carismática

Por fim, temos a liderança carismática, que preza pela harmonia da organização e o engajamento da equipe. Além do forte apelo emocional, como visto no líder motivador, o perfil carismático também costuma ser bem persuasivo.

Isso tende a facilitar a resolução de conflitos e estimular uma equipe fidelizada, que confia na cultura estabelecida pela liderança. Além disso, o líder carismático é influente, capaz de atingir as metas sem precisar de uma postura autoritária.

Por outro lado, o carisma ofusca sua competência e pode gerar conflitos, principalmente na necessidade de transmitir comunicados ou feedbacks negativos. Também é uma desvantagem o excesso de confiança no lado amigável do líder, fazendo com que alguns colaboradores esqueçam o profissionalismo.

Como descobrir que tipo de líder é você?

Agora que você já conhece os diferentes estilos de liderança, resta saber qual tipo de líder é você. Para isso, você pode avaliar os pontos mais relevantes da sua personalidade e ver em qual estilo eles se encaixam.

Uma opção, por exemplo, é tomar o teste das 16 personalidades. A partir do perfil identificado, você pode encontrar o estilo de liderança mais adequado.

Existem testes para identificar estilos de liderança, como este elaborado pela equipe da Robert Half

De todo modo, é muito importante estar alinhado aos desafios da sua equipe e do ramo no qual atua, lembrando que será preciso representar os valores determinados pela sua empresa. 

Liderança para equipes remotas

Como mencionamos no início, o home office se tornou uma das principais modalidades de trabalho para muitas equipes por conta da pandemia da covid-19, a fim de evitar aglomerações e o contágio.

Apesar de muitos funcionários entenderem o formato remoto como positivo, bem como muitos gestores e executivos, o formato conta com diversos desafios para a liderança de equipes remotas.

Falhas de comunicação, dificuldade de acompanhamento e mensuração de resultados são os mais comuns, mas também é importante citar a dificuldade de engajar as equipe e o peso que o cenário mundial traz para a saúde emocional dos funcionários.

Para lidar com essas dificuldades, nossas dicas para superar os desafios da liderança remota consistem em focar na postura de liderança e não no local onde ela acontece. Avalie as ações que tomaria no ambiente físico e busque adequar cada uma delas ao modelo à distância.

É importante também trabalhar a objetividade. Se delegar uma tarefa por texto é complicado, faça uma chamada ou explore diferentes canais de comunicação.

Dentro desse tema, buscar o apoio de novas tecnologias pode facilitar a harmonização do time em home office, especialmente em setores como atendimento e vendas. Não se esqueça de capacitar seus colaboradores para sua utilização.

Ainda nesse tema, trabalhe com metas palpáveis e mantenha uma rotina de feedbacks frequente, mantendo todos os membros da equipe conscientes sobre o desempenho geral

Por fim, não se esqueça de manter uma postura empática e compreensiva, o momento é delicado para todos e a liderança precisa ser um porto seguro para sua equipe lidar com os desafios do momento de maneira adequada.

Solução de atendimento para toda sua equipe

Assim como sua equipe precisa de suporte em qualquer lugar, seu cliente também precisa! Atenda às necessidades em ambos os casos com o Software de Atendimento Zendesk, a ferramenta que seu cliente e seu suporte precisam!

Integrando todas suas equipes e diferentes canais de atendimento, nenhum deles fica desamparado com essa ferramenta, fornecendo um pacote completo para elevar o nível da conversa com o consumidor e trabalhar a sincronia do time para resolver qualquer chamado. Veja como funciona, experimente nossa demonstração gratuita e atenda seus clientes com muito mais qualidade.

Software de suporte ao cliente

O software de suporte ao cliente da Zendesk é fácil de usar e oferece uma melhor experiência de atendimento.

Software de suporte ao cliente

O software de suporte ao cliente da Zendesk é fácil de usar e oferece uma melhor experiência de atendimento.

Experimente grátis