Artigo

Falhas na comunicação empresarial: 5 exemplos reais e como resolvê-los

Por Douglas da Silva, Web Content & SEO Associate, LATAM

Publicado 5 Março 2021
Última atualização em 5 Março 2021

Você sabia que o Brasil é o país com o maior índice de rotatividade de funcionários? De acordo com a pesquisa global da Robert Half, entre os principais motivos da alta rotatividade estão falta de reconhecimento, desmotivação e preocupação com o futuro da companhia.

Todos estes itens estão relacionados com falhas de comunicação empresarial. Mas é possível prevenir esses acontecimentos melhorando a comunicação interna e garantindo que seu funcionário esteja feliz. 

A importância de evitar falhas na comunicação empresarial

Antes de começarmos com os exemplos práticos, vamos reforçar a importância de uma boa comunicação interna. Um estudo da SEGeT revelou que o clima organizacional pode ser afetado pela falta de comunicação entre empresa e funcionários.

Com um clima desgostoso no ambiente de trabalho, a tendência é que os colaboradores fiquem desmotivados, tenham sua produtividade reduzida e que, no fim das contas, tudo isso se reflita em dinheiro perdido.

Manter os funcionários felizes deve ser uma métrica de sucesso. E, para isso, a comunicação interna é um elemento-chave .

5 exemplos de falhas de comunicação interna

Sabemos que às vezes o fluxo de comunicação pode ser interrompido por diversos motivos. Pensando nisso, e nos principais erros que os gestores e equipes de RH cometem, listamos 5 exemplos de falhas na comunicação empresarial e como resolvê-los.

    1. Falta de conhecimento do público interno

Quando citamos pesquisas de satisfação, costumamos nos atentar apenas aos consumidores, ou seja, o público externo. E esquecemos de nos preocupar com os funcionários da empresa. 

Ao desconhecer o seu público interno, os gestores e a equipe de recursos humanos tendem a errar na comunicação interna da empresa

Como resolver?

Há duas maneiras práticas de resolver o problema de falta de conhecimento do público interno:

  • Pesquisas de satisfação: elaborar uma pesquisa com perguntas sobre o dia a dia da empresa, sobre os gestores e até sobre as falhas de comunicação empresarial é importante para garantir que seu público interno esteja satisfeito. Feito isso, é preciso saber receber os feedbacks e tentar montar um plano de ação para melhorar os pontos levantados pelos colaboradores. 
  • No momento da contratação: a equipe de recursos humanos deve ser responsável por garantir que o clima organizacional e o perfil do colaborador estejam alinhados. Para isso, é preciso treinar a equipe de RH, trazendo todos os pontos importantes sobre a rotina empresarial.

    2. Colaboradores sem voz ou participação

Falamos sobre a importância de conhecer o seu público interno e como uma pesquisa de satisfação pode ajudar a evitar esse problema. No entanto, além de receber os feedbacks dos funcionários, é importante que a empresa dê voz a eles.

Uma estrutura que não permite que os colaboradores participem das decisões da empresa pode acabar os desmotivando. Essa é uma das principais falhas de comunicação empresarial.

Como resolver?

Pensando em ações práticas, trouxemos algumas ideias que podem ajudar a garantir a participação do funcionário nas decisões da empresa:

  • Quadro de sugestões: essa ação pode ser feita de maneira virtual ou física. É uma maneira de manter o canal de comunicação empresarial aberto, recebendo sugestões dos seus colaboradores e garantindo que eles sejam ouvidos. 
  • Ferramentas tecnológicas de comunicação: outra maneira de garantir que seus funcionários sejam ouvidos é investindo em ferramentas que permitam essa troca, como um suporte de help desk ou service desk no qual o funcionário pode criar tickets e acompanhar a resolução dos seus problemas.

    3. Falta de feedbacks positivos ou negativos

Além dos canais de comunicação empresarial, é importante que o gestor mantenha a porta aberta para fazer e receber feedbacks da sua equipe. Afinal, a comunicação é uma via de mão dupla, em que todos devem ouvir e serem ouvidos. 

Manter esse canal aberto ajuda a entender seus colaboradores e evitar surpresas (principalmente as negativas), como um funcionário pedindo demissão repentinamente.

Como resolver?

Para manter o ambiente organizacional agradável e garantir que seus funcionários estejam felizes, é importante:

  • Fazer feedbacks periódicos: deve fazer parte da cultura da empresa uma roda de feedbacks periódicos. O tempo pode variar entre 3 a 6 meses, mas é importante não deixar o seu colaborador “no escuro” por muito tempo.
  • Fazer feedbacks informais: além das reuniões periódicas, é necessário que, durante o acompanhamento do trabalho rotineiro, os gestores também falem com seus funcionários sobre o que e como melhorar, além de elogiar o trabalho, quando for o caso.

    4. Descumprimento dos prazos

Cumprir prazos é uma meta importante e cabe aos colaboradores e aos gestores organizarem internamente a melhor maneira de garantir uma entrega pontual. Ao repassar as demandas rotineiras, sempre deixe claro qual é o deadline para o trabalho.

Deixando as informações claras, evitamos problemas de descumprimento de prazos por parte do colaborador. É importante, também, que o funcionário tenha voz e possa dizer quando uma tarefa não é possível de ser feita em tempo hábil.

Como resolver? 

De novo, a comunicação empresarial é a chave para evitar problemas de prazo com seus colaboradores. Aqui vão duas dicas práticas para ajudar:

  • Utilizar metodologias ágeis: implementar uma metodologia na sua rotina de trabalho faz com que todos entendam melhor o fluxo de demandas, prazos e garanta as melhores entregas.
  • Fazer reuniões semanais ou diárias: com o objetivo de acompanhar o andamento das tarefas, esse tipo de reunião deve ser rápida e não precisa atrapalhar a rotina de ninguém. A intenção é discutir rapidamente os pontos de atenção e garantir que ninguém tenha bloqueios para continuar com suas demandas.

    5. Prolixidade e formalidade

A comunicação caminha cada vez mais para uma forma humanizada — seja no atendimento ao cliente externo ou interno. Excesso de formalidade é uma das falhas de comunicação empresarial que afastam e inibem o colaborador.

Evitar formalidades e garantir uma comunicação humanizada é parte importante do trabalho de RH e também dos gestores.  

Como resolver?

Trouxemos duas ações que colaboram com a diminuição da prolixidade e formalidade para garantir a satisfação do seu público interno:

  • Tenha um canal de comunicação simples: faça com que a comunicação empresarial não seja burocrática. Gestores podem, por exemplo, convidar seus funcionários para tomar um café e discutir os próximos passos dentro da empresa, falar sobre o plano de carreira e até mesmo conversar a respeito das demandas do dia a dia.
  • Revisando a estrutura de processos internos: facilitar o fluxo de comunicação também é um ponto que deve ser considerado. Se os seus processos são sempre muito burocráticos e formais, dificilmente o colaborador se sentirá à vontade para compartilhar seus pensamentos.

Evitar as falhas de comunicação empresarial aumenta a produtividade

Garantir que seus funcionários estejam felizes fará com que a produtividade e a dedicação à empresa sejam maiores. Segundo a pesquisa da Holmes Report², falhas de comunicação empresarial podem gerar um aumento de 42% na má conduta dos funcionários

Seguindo todas essas dicas de como resolver as falhas de comunicação interna na empresa você garante que esses números não te afetem.

Então, recapitulando alguns pontos importantes que falamos ao longo do texto: mantenha seu canal de comunicação sempre aberto com seus funcionários, forneça feedbacks e permita que os colaboradores também falem. Como dissemos, a comunicação é uma via de mão dupla e todos devem se sentir confortáveis em falar. 

E utilize a tecnologia a seu favor adotando um sistema interno de help desk ou service desk, como a da Zendesk, para que seu funcionário possa criar tickets e resolver de maneira simplificada seus problemas na empresa.