Artigo

Aprenda o que são organizações exponenciais e como ser uma

Por Douglas da Silva, Web Content & SEO Associate, LATAM

Publicado 16 Dezembro 2020
Última atualização em 16 Dezembro 2020

As organizações exponenciais são um reflexo de toda evolução tecnológica que estamos vivendo dentro e fora das organizações. Estamos falando de empresas que crescem de forma acelerada e exponencial, em um curto espaço de tempo.

O termo, organizações exponenciais, foi criado em conjunto com o slogan: “elas são 10 vezes melhores, mais rápidas e mais baratas que a sua”. 

Não dá para não ficar curioso, não é mesmo?!

Mas, o que são organizações exponenciais? 

Você, com certeza, conhece e até mesmo usa o serviço de alguma organização exponencial. Elas já fazem parte de nossas vidas e têm grandes diferenças das organizações lineares.

Organizações lineares?

Não se preocupe! Para responder a essas perguntas e inclusive nos aprofundarmos no que são organizações exponenciais, escrevemos este artigo. 

Vamos tratar dos seguintes tópicos:

  • O que são organizações exponenciais e organizações lineares
  • Principais características de uma organização exponencial: PTM, SCALE, IDEAS
  • Diferenças entre organização exponencial e Startup
  • Exemplos de organizações exponenciais e seus impactos
  • Como sua empresa pode se inspirar com as organizações exponenciais

O que são organizações exponenciais e organizações lineares?

O termo organizações exponenciais (“ExOs” como ficou conhecido na abreviatura em inglês) foi cunhado no livro, de mesmo nome, por Salim Ismail, Yuri Van Gees e Michael S. Malone. Publicado em 2014 e distribuído no Brasil pela editora Alta Book.

O livro cunhou o termo organizações exponenciais para caracterizar empresas que crescem de forma acelerada e exponencial em diversos fatores e em um curto espaço de tempo.

Não confunda as  organizações exponenciais com startups. Elas possuem diferenças  em relação às empresas tradicionais e também sobre startups, como veremos mais a seguir neste artigo.

O termo exponencial foi usado para fazer um paralelo com a velocidade em que avançamos tecnologicamente, como o crescimento acelerado previsto pela Lei de Moore, que previa o aumento de 100% na produção de transistores em chips, a cada 18 meses, pelo mesmo custo.  

Se de um lado temos as organizações exponenciais, do outro lado estão as organizações lineares. Elas são as tradicionais empresas que todos nós conhecemos, com grandes sedes, escritórios cheios de gente, muita hierarquia e burocracia.

A transformação digital permitiu que organizações exponenciais pudessem trabalhar de forma mais enxuta, ao substituir diversos processos por soluções tecnológicas. Tirando toda e qualquer barreira que possa reduzir a velocidade de crescimento da empresa.

Principais características de uma organização exponencial + exemplos

São muitas as características que definem o que são organizações exponenciais, como a “máxima inovação”. 

Mas não estamos falando apenas de características inovadoras mas também de uma inovação com foco e organização.

Diferentemente das organizações lineares, que têm aquela tradicional imagem administrativa, com definição de visão, missão e valores, as organizações exponenciais trabalham sob um único Propósito Massivo Transformador (PMT). Que é o grande propósito que a empresa tem.

Você pode ter uma ideia melhor observando alguns exemplos de PMT de algumas empresas famosas:

  • Google: “Organizar a informação do mundo”
  • Tesla: “Acelerar a transição para o transporte sustentável”
  • PayPal: “Construir a solução em pagamento mais conveniente, segura e eficiente da web”
  • TED: “Ideias que merecem ser compartilhadas”
  • Uber: “A melhor forma de chegar aonde quer que você vá”

O Propósito Massivo Transformador é o que move a empresa e comanda outras características que são divididas entre características internas e externas.

As características externas são representadas por cinco itens e são chamados de SCALE, que é a sigla para cada um destes itens.

Já as características internas são representadas pelo acrônimo IDEAS.

Vamos então conhecer melhor cada um deles e os atributos que os compõem. Começando pelos fatores externos.

SCALE (características externas)

As características externas representadas neste acrônimo são:

  • Staff on demand (Equipe sob demanda)
  • Community (Comunidade)
  • Algorithms (Algoritmos)
  • Leveraged Assets (Ativos alavancados)
  • Engagement (Engajamento)

Staff on demand (Equipe sob demanda)

A equipe sob demanda é um dos principais fatores que definem o que são organizações exponenciais. Isso pela facilidade com que elas conseguem aumentar ou diminuir sua equipe de acordo com a sua demanda de trabalho. Isso sem mesmo precisar realizar um contrato formal.

A Uber é um exemplo clássico disso. De acordo com a demanda de passageiros ela consegue controlar o número de motoristas. Diminuindo ou aumentando rapidamente os incentivos sem que isso tenha grande impacto em seus processos.

Community (Comunidade)

Estas empresas normalmente possuem uma legião de usuários engajados em suas ideias, seu PMT, e não só contribuem com a divulgação de seus serviços como defendem também seus ideais.

O fato de se identificarem com o propósito da empresa, faz com que a comunidade mais engajada ajude de forma gratuita no crescimento da empresa.

Mas não só deles uma organização exponencial vive. Elas também abrem canais que facilitam outros usuários relatarem suas experiências com toda comunidade. 

Além disso, também incentivam a recomendação de seus serviços para amigos, oferecendo benefícios tanto para quem recomenda, quanto para quem experimenta.

Você, com certeza, já recomendou um aplicativo para algum amigo, e até ganhou um bônus junto com ele, ou mesmo já pode ter escrito uma recomendação depois de usar o Airbnb. Essas interações são parte importante do que são organizações exponenciais.

Algorithms (Algoritmos)

Os algoritmos são uma parte importante do que sustenta este tipo de empresa. São os algoritmos que conseguem trabalhar e organizar a grande quantidade de dados que uma empresa exponencial precisa.

Toda empresa exponencial precisa de ótimos programadores para garantir os melhores algoritmos para que nenhuma informação passe em branco e a empresa consiga absorver tudo aquilo que ela precisa para crescer. Desde aprender com seus clientes quanto envolvê-los em sua plataforma.

Um famoso exemplo do uso de algoritmos foi o escândalo do Facebook nas campanhas presidenciais americanas de 2016, que culminou em um grande processo, que o Facebook enfrentou na justiça.

Leveraged Assets (Ativos alavancados)

Ao contrário das empresas lineares, empresas exponenciais não precisam de grandes ativos como prédios inteiros, milhares de equipamentos e funcionários diretos.

Organizações exponenciais buscam recursos da forma mais barata, em qualquer lugar do mundo. Tudo isso a partir de ideias criativas com o uso de tecnologias já existentes.

O Waze é um ótimo exemplo de uso de ativos alavancados. Por ele os usuários conseguem saber informações sobre o trânsito ao mesmo tempo que eles mesmos estão ajudando a fornecer estas informações.

Isso pelo fato do aplicativo conseguir saber, a partir do GPS:

  • Qual a localização do usuário, 
  • Onde ele pára, 
  • Por onde ele se move, 
  • Sua velocidade. 

Reunindo estes dados de vários usuários, a empresa consegue identificar pontos onde o trânsito está fluindo, lento ou parado

Sem contar que os usuários também podem informar manualmente informações relevantes.

Com tudo isso as empresas não precisam gastar com equipamentos caros e grandes equipes.

Engagement (Engajamento)

Engajamento é uma estratégia antiga mas primordial dentre as características do que são negócios exponenciais.

Engajar o seu público depende de uma série de estratégias que têm como objetivo atrair um número cada vez maior de pessoas, de forma orgânica, a utilizar os serviços de sua organização e assim aumentar rapidamente sua participação de mercado.

As estratégias vão desde gamificação à prêmios que incentivam o usuário a trazer mais pessoas para a plataforma.

Uma empresa que faz isso muito bem é o iFood que por diversas vezes incentivou o compartilhamento de cupons de desconto para amigos. E rapidamente conseguiu o crescimento exponencial que buscava.

IDEAS (características internas)

As características internas representadas pelo acrônimo IDEAS, são:

  • Interfaces
  • Dashboards
  • Experimentation (Experimentação)
  • Autonomy (Autonomia)
  • Social Technologies (Tecnologias sociais)

Interfaces

A interface é aquilo que conecta as características externas (SCALE) com o trabalho interno da organização. 

É a interface que permite aos clientes “ver” a empresa e se relacionar com ela. Além disso, é a partir dela que a empresa entrega a maior parte de suas funcionalidades.

Cada empresa tem a sua interface, e cada uma delas tem a sua própria identidade. De forma que você reconheça cada uma delas apenas com um rápido olhar. Sem precisar sequer de ler seu nome.

Dashboards

Dashboards são importantes para esse tipo de empresa monitorar e acompanhar o seu desempenho.

Quanto maior for a eficiência no acompanhamento e gerenciamento dos dados e processos, melhor a empresa poderá adaptar suas estratégias e tomar decisões rápidas e de grande impacto.

Leia também: 5 tendências de Big Data que você precisa saber

Em empresas como estas, o diferencial é a quantidade de dados com que elas lidam diariamente. Portanto, elas precisam ter a melhor estrutura possível para aproveitar toda e qualquer informação pertinente para o crescimento de seu negócio.

Experimentation (Experimentação)

Experimentação faz parte do vocabulário de toda empresa inovadora. E toda a sua mecânica facilita essa experimentação.

Esse tipo de empresa consegue colocar no mercado novos produtos ou funcionalidades, apenas para um determinado público, e em caráter experimental, com baixo custo e alta resposta. Facilitando muito a evolução de seus serviços.

Ao contrário de empresas lineares que precisam investir muito em testes e mais testes para, muitas vezes, uma simples mudança.

Como tudo acontece muito rápido em uma organização exponencial, a mensuração de experiências com o cliente também fica facilitada por toda sua estrutura enxuta.

Autonomy (Autonomia)

Ao contrário das organizações lineares, as exponenciais trabalham com equipes multidisciplinares e descentralizadas. Com baixa ou nenhuma estrutura de hierarquia nos postos de trabalho. Dessa forma a informação corre mais fácil e rápido.

Social Technologies (Tecnologias sociais)

Implementar e manter bons canais de comunicação, internos e externos, em uma estratégia omnichannel, é uma característica de organizações exponenciais. 

As tecnologias sociais é uma das características que estas empresas têm para manter a comunicação mais transparente e, além de tudo, alinhada com o seu propósito massivo transformador (PMT).

Diferenças entre organização exponencial e Startup

As diferenças entre organização exponencial e Startup são bem simples.

Startup é o nome que se dá para uma empresa que se inicia com grande potencial de crescimento. Enquanto uma organização exponencial é a forma como esta empresa trabalha.

Uma Startup pode crescer em cima dos princípios de uma organização exponencial, sem deixar de ser uma startup.

Exemplos de organizações exponenciais e seus impactos

Nós já citamos aqui alguns exemplos de negócios exponenciais e suas atitudes em tópicos anteriores, mas existem outros bons exemplos a citar por aqui.

Vamos falar dos impactos causados por duas empresas que são exemplos de organizações exponenciais: Airbnb e Too Good To Go.

Airbnb

A Airbnb é uma empresa fundada em 2008 que permite que qualquer pessoa, dona de um imóvel, possa oferecer serviços de hospedagem que vão desde, apenas, um quarto, ou até mesmo todo o imóvel.

O impacto disso é enorme e a indústria hoteleira sentiu na pele a demanda pelos seus serviços baixarem vertiginosamente.

Hoje os hotéis buscam oferecer experiências e serviços diferenciados para se destacar. Por outro lado, pessoas estão comprando imóveis para atender à crescente demanda por usuários do Airbnb. Demanda essa que impacta, inclusive, no valor dos aluguéis em cidades turísticas.

*** VÍDEO: https://www.youtube.com/watch?v=-XSAqfK_UwY

Too Good To Go

A Too Good To Go é uma empresa que combate o desperdício alimentar, oferecendo a oportunidade de restaurantes e empresas de alimentação, de venderem aquele excedente que foi produzido.

A proposta faz com que os restaurantes evitem o desperdício e com que pessoas consigam comprar alimentos a um preço mais baixo.

Com este projeto as pessoas compram um kit surpresa, que elas vão receber ao final do expediente do restaurante. O kit é surpresa justamente pelo fato de depender dos produtos que irão ficar excedentes naquele dia.

O restaurante ganha e o consumidor também, com produtos da mesma qualidade, porém com preços bem abaixo dos praticados normalmente. Entenda melhor sobre o app no vídeo abaixo, que apresenta uma palestra da CEO da empresa. 


Como sua empresa pode se inspirar com os negócios exponenciais

Agora que você conhece bem o que são organizações exponenciais, está na hora de se inspirar nas características vistas aqui e repensar a forma como muitos processos são feitos em sua empresa.

Repensar os caminhos e novas formas de trabalhar, pode ser o diferencial que sua empresa precisa para deixar de ser uma empresa linear e passar a ter o crescimento acelerado que um negócio exponencial tem.

Muitos empreendedores repensam seus negócios e descobrem novos caminhos para suas empresas e você pode ser um deles.

O primeiro passo, entretanto, é introduzir tecnologia em seus processos atuais, garantindo que eles sejam realizados de maneira mais rápida e eficiente. Reduzindo o tempo que sua equipe trabalha em tarefas repetitivas. 

Além disso, usar a tecnologia para criar melhores experiências para seus clientes também é uma forma de tornar o atendimento mais veloz e consequentemente gerar melhores resultados financeiros. 

O mesmo pode - e deve - ser realizado a partir da automação de parte do setor de vendas.

Apostar em ferramentas de automação, CRMs de vendas, chatbots e integração de setores pode ser um importante fator de diferenciação para as empresas que buscam por crescimento exponencial. 

Se quiser saber como as ferramentas da Zendesk podem ajudar o seu negócio a engajar e fidelizar clientes em tempos de crise, visite nosso site e explore nossas soluções.

Conheça o software Zendesk Connect e Zendesk Sell, e saiba como podemos te ajudar a evoluir o setor de vendas de forma escalável e dentro de premissas atuais da área, a partir da geração de engajamento em vendas, controle de dados e informações e atendimento ideal aos clientes.