Artigo

Transações online: 5 dicas para garantir uma experiência segura e agradável para o cliente

Por Douglas da Silva, Web Content & SEO Associate, LATAM

Publicado 10 Mai 2021
Última atualização em 10 Mai 2021

O e-commerce é um segmento que cresceu muito no Brasil nos últimos anos. Só em 2020 esse tipo de transação online cresceu aproximadamente 75% no país.

O comércio online permite que as empresas economizem recursos e aumentem suas vendas e oferece aos clientes soluções ágeis, seguras e cômodas para fazer compras. Na internet, o consumidor sempre encontra lojas abertas, evita trânsito e filas, e aumenta as suas possibilidades de compras.

Mas não é qualquer negócio online que oferece todos esses benefícios. Para garantir que as transações online da sua marca sejam seguras e garantam a melhor experiência ao usuário é preciso ficar atento às dicas que daremos abaixo.

Qual é a importância de garantir a segurança de dados nas transações online?

A preocupação com a experiência virtual do usuário é fundamental para qualquer negócio e a base disso é a segurança dos dados nas transações online.

Com o crescimento do e-commerce, aumentam também as tentativas de golpes e ataques hackers aos negócios online e aos dados dos consumidores.

Um dos bens mais importantes que a sua empresa tem é a confiança e fidelidade dos seus clientes, por isso é fundamental estar atento à segurança dos dados que foram confiados à sua empresa.

Para isso, a sua marca deve investir em cuidados com o intuito de aumentar a segurança das transações online, ao mesmo tempo em que se dedica a melhorar a experiência do cliente.

5 dicas para criar melhores transações online para os clientes

As principais preocupações que a sua empresa deve ter ao criar um e-commerce e planejar as transações online dos clientes são:

  1. Segurança de dados dos usuários
  2. Experiência digital do usuário
  3. Atendimento ao usuário online

Para garantir que as suas transações online estejam respeitando essas preocupações é necessário seguir as seguintes dicas:

1 - Usar servidores de qualidade para o seu site

Os consumidores buscam sites seguros e que proporcionem uma experiência ágil e eficaz.

Para isso acontecer, é preciso que a sua empresa invista em servidores de qualidade, que permitam:

  • Identificar eventuais tentativas de invasão
  • Flexibilidade para personalizar a página do seu negócio
  • Acesso de vários consumidores ao mesmo tempo sem falhas
  • Carregamento rápido das informações

Um site bem estruturado e potente atende as expectativas dos consumidores, trazendo mais confiança ao seu negócio.

2 - Investir em métodos de pagamento seguros e confiáveis

Os clientes fornecem muitas informações sensíveis para a sua empresa durante uma compra e uma das principais são seus dados bancários e de cartões de crédito. Por isso, é fundamental que o seu negócio invista em métodos de pagamento reconhecidamente seguros para evitar fraudes, cartões clonados e dados acessados por criminosos.

Uma possibilidade é utilizar uma plataforma de pagamento para e-commerce. Isso permite que você terceirize a responsabilidade de garantia da segurança das transações para uma empresa de confiança no mercado e focada apenas nisso.

Usando um serviço que tenha certificados de segurança e experiência no mercado a sua empresa aumenta ainda mais a confiança no seu site.

Além disso, ao apostar em uma intermediação para o pagamento das compras é possível trazer novos meios de pagamento aos consumidores, incluindo boleto, cartão de débito, crédito, etc. Isso aumenta a satisfação dos clientes, que buscam diversidade na hora de pagar suas compras.

3 - Cuidar dos dados dos clientes

Os clientes confiam à sua empresa os dados de RG, CPF, cartão de crédito e endereço. São dados muito sensíveis e particulares que devem ser tratados da maneira mais segura possível.

Entre as principais recomendações de segurança que o seu site deve garantir nas transações online estão:

  • Utilizar mecanismos de segurança para proteger informações, como a criptografia. Por meio dela, a tecnologia embaralha as informações dos usuários e torna praticamente impossível um ataque
  • Investir na aquisição de selos de segurança, como o certificado SSL (secure sockets layers), um sistema de criptografia potente
  • Criar políticas de privacidade que devem ser de fácil leitura e transparentes
  • Criar uma seção com as principais dúvidas dos clientes

4 - Investir em usabilidade e responsividade do site

Os clientes buscam cada vez mais sites simples, intuitivos e que sejam rápidos. Uma pesquisa mostrou que 53% dos visitantes abandonam sites mobile que levam mais de três segundos para carregar.

Já o Relatório de Tendências da experiência do cliente para 2021 Zendesk mostrou que 65% dos clientes querem comprar de empresas que oferecem transações online rápidas e fáceis.

Para colocar isso em prática, é preciso investir em UI design, UX design e no mapeamento da jornada do cliente.

Ao investir em UI design (interface do usuário), a sua empresa garante que o desenho do site e a maneira como o usuário interage com ele são as melhores possíveis. Aqui, o seu negócio investe em um site com leitura clara e agradável, fontes de tamanho adequado e caminhos intuitivos.

Já ao pensar na experiência do usuário (UX design) a sua empresa deve criar uma experiência de navegação simples, objetiva e que atenda as principais necessidades dos clientes.

O objetivo de tudo isso é simplificar a jornada do cliente ao máximo. Quanto menos tempo e esforço ele precisar para realizar uma compra, melhor.

5 - Simplificar a jornada do cliente e oferecer um atendimento de qualidade

Simplificar a jornada do consumidor significa criar caminhos rápidos e intuitivos no seu site, disponibilizar botões de compra acessíveis, visualização do carrinho e fácil pagamento.

Além disso, uma jornada do cliente só pode ser de fato simplificada e otimizada se a sua empresa conseguir oferecer um atendimento de qualidade.

Invista nos canais em que seu cliente está presente: redes sociais, e-mail, aplicativos de mensagens instantâneas, etc. Além disso, disponha de atendimento no site com chat e central de ajuda.

Se o cliente deseja uma transação rápida, ele também espera que o atendimento esteja à altura. Para não fazer ele perder tempo e ter um atendimento 24 horas por dia, é possível investir em tecnologias de autoatendimento como chatbots.

Tudo isso irá proporcionar uma experiência de compra online realmente segura e que atenda as principais necessidades do cliente.

A sua empresa está buscando maneiras de tornar a experiência do usuário ao fazer compras com você ainda melhor e mais segura? Conheça o CRM de vendas da Zendesk, com ele é possível acessar ferramentas integradas que fornecem todo o contexto de uma conta de cliente, além de manter a segurança dos dados dos consumidores. Isso mantém as equipes informadas para que aproveitem as oportunidades de vendas!

 

Software de CRM de vendas completo

CRM de vendas para melhorar a produtividade, os processos e a visibilidade do pipeline para as equipes de vendas