Artigo

Motivação nas vendas: 5 dicas para ampliar a performance dos vendedores

Por Douglas da Silva, Web Content & SEO Associate, LATAM

Publicado 4 Setembro 2020
Última atualização em 10 Setembro 2020

Gerar motivação em vendas é papel dos próprios vendedores e também dos gestores da empresa que depende desses profissionais para conquistar clientes e gerar lucro para o negócio.

O dia a dia do profissional de vendas não é fácil. São muitas atividades que precisam ser executadas, metas a serem batidas, preocupações com o resultado e mais.

Por isso, é comum que empresas se preocupem em criar ações de motivação para vendedores. 

Se você está nesse barco, mas não sabe como motivar uma equipe de vendas. Chegou ao lugar certo. A seguir, listamos dicas de motivação nas vendas. Curtiu? Então acompanhe!

Motivação nas vendas: como gerar e manter dentro da sua equipe?

Ainda existem alguns gestores que acreditam que a única motivação de um vendedor é a comissão que ele recebe no final do mês. 

É claro que esse é um fator importante, mas está longe de ser o único. 

Esperar que o profissional de vendas trabalhe motivado apenas movido pelo dinheiro, é uma estratégia que vai ser positiva por alguns meses, mas dificilmente vai manter esse profissional na sua empresa a longo prazo

Quando você perde um vendedor, você perde junto todo o tempo e dinheiro que investiu nele, principalmente, durante o treinamento do funcionário. Isso sem contar que você irá precisar gastar tudo de novo ao contratar um novo profissional.

Bom, já deu para perceber que quando um vendedor pede demissão (ou é demitido) isso não é vantajoso para a sua empresa. 

Mesmo quando um vendedor se mantém na empresa, mas não tem motivação nas vendas, sua empresa sai perdendo, afinal, terá um colaborador que rende menos do que ele poderia render e menos do que o que você precisa

Para reverter esse quadro, algumas estratégias de como motivar uma equipe de vendas pode se postas em prática. Por isso, se você está em busca de motivação em vendas o passo a passo é: 

  • Defina metas desafiadoras e atingíveis
  • Modele um plano de carreira
  • Invista em treinamentos
  • Tenha boas comissões e benefícios
  • Use a tecnologia para evitar trabalhos que não sejam vender 

A seguir, vamos entender cada uma dessas dicas de motivação para vendedores.

1. Defina metas desafiadoras e atingíveis

Uma das principais preocupações de vendedores é bater metas. Eles sabem que quando não batem uma meta eles ficam atrás das pessoas que bateram e temem que isso seja um problema na manutenção de seu emprego. 

Quando os gestores da empresa estabelecem uma meta que é inatingível os vendedores já começam o mês duvidando da capacidade de vencerem esse objetivo. Naturalmente, isso abala sua motivação. 

Existem muitas razões para os gestores aprendem a estabelecer metas que podem ser atingidas, e uma delas é garantir a motivação nas vendas. 

Fazer um planejamento de vendas que esteja de acordo com a realidade da empresa e do mercado, fará com que você tenha melhor previsibilidade de faturamento e ajudará na manutenção da moral interna.

Isso não quer dizer que você deve criar metas fáceis de serem atingidas! Lembre-se o objetivo é criar metas realistas. Mas o desafio é um dos combustíveis que move os vendedores. 

2. Modele um plano de carreira

Ninguém gosta de passar a vida no mesmo lugar, fazendo a mesma coisa. O plano de carreira mostra para o vendedor que ele tem um desafio a médio e longo prazo. Que ele tem um lugar para chegar. 

Além de criar um plano de carreira para vendedores, a gestão de força de vendas deve criar um processo de acompanhamento que vai ajudar o profissional a cumprir o plano. 

Afinal, um plano de carreira não tem apenas um objetivo, ele tem um planejamento de como chegar lá!

Crie uma campanha interna e ajude seus colaboradores, individualmente, a pensarem no futuro deles na empresa. 

3. Invista em treinamentos

Todo profissional deseja aprender, se manter em evolução e dominar as principais técnicas e tendências do mercado de vendas. Por isso, se você está em busca de como engajar a equipe de vendas, investir em treinamentos é uma excelente ideia!

Os treinamentos de funcionários de vendas ajudam a motivar a equipe porque fazem com que eles se sintam mais preparados para alcançar melhores resultados e vencer desafios.

Além do benefício direto da motivação nas vendas, os treinamentos ajudam a tornar:

  • Os processos mais eficazes, 
  • As abordagens mais estratégicas, 
  • O negócio mais competitivo.  

Um complemento a esse tópico é usar as palestra motivacional como estratégia para gerar engajamento nos vendedores. 

4. Tenha boas comissões e benefícios

Quer esforço e dedicação? da sua equipe? Então pague bem seu colaborador por te dar tudo isso. 

Os vendedores são profissionais centrais de um negócio e sem eles sua empresa pode parar. Por isso, ofereça mimos, boas comissões e benefícios que vão destacar a sua empresa em relação a qualquer outra que ele possa considerar ir trabalhar. 

Crie uma estratégia motivadora de comissões e inclua benefícios como viagens, jantares em bons restaurantes e dias no SPA. Tudo isso contribui para motivação nas vendas.  

5. Use a tecnologia para evitar trabalhos que não sejam vender

Você pode até achar que o tempo de trabalho do vendedor é todo gasto vendendo. Mas, infelizmente, não é. 

Grande parte da rotina de trabalho desses profissionais envolve a gestão de vendas e contatos, atualização de sistemas, preenchimento de relatórios, construção de histórico de atendimento e mais. 

Poucos vendedores gostam dessa parte burocrática, e a verdade é que esse tempo gasto com questões administrativas poderia estar sendo usado para vender. 

Para resolver esse impasse você e sua empresa podem investir em tecnologias que tornem a rotina da equipe de vendas mais produtiva. 

Investir em um sistema que tire da lista de afazeres dos vendedores as tarefas repetitivas e burocráticas do processo de vendas gera benefícios como:

  • Aumento da produtividade em vendas, 
  • Ampliação a motivação dos profissionais,
  • Geração de mais negócios. 

Os softwares de CRM de vendas permitem automatizar processo burocráticos, como preenchimento de planilhas e criação de relatórios, eliminando a necessidade do vendedor para a realização dessas tarefas.

Além disso, esses sistemas integram também todas as etapas do funil de vendas, servindo como fonte de informação sobre o percurso do cliente e para a tomada de decisões. 

Bom, não é mesmo? Então conheça o CRM de vendas da Zendesk e os demais produtos do nosso portfólio fazendo uma visita ao nosso site.